Mesopotâmia (1º C)

Oi gente,

Para aquele help para as provas preparamos um material sobre mesopotâmia, vocês já tem ele impresso, mas resolvemos postar aqui também para eventuais consultas. Bons estudos!

Mesopotâmia

Image

Mesopotâmia, que em grego quer dizer ‘terra entre rios’, situava-se entre os rios Eufrates e Tigres e é conhecida por ser um dos berços da civilização humana. Localizada no Oriente Médio, atualmente esta histórica região constitui o território do Iraque.

Há cerca de 4.000 a.C., grupos tribais da Ásia Central e das montanhas da Eurásia chegaram ao local devido às extensas áreas férteis próximas aos rios, além da vantagem de terem água próxima, fornecendo subsídio para pesca, alimentação e transporte. Pelos mesmos motivos chegaram, tempos depois:

Sumérios

Os povos suImagemérios desenvolveram um importante sistema de canalização para armazenar a água para sua comunidade. Criaram também à escrita cuneiforme, eles utilizavam placas de argila para registrar detalhes de seus cotidianos através da escrita e os zigurates, construções piramidais que serviam de armazenamento de produtos agrícolas e de prática religiosa. As cidades-Estado de Nipur, Lagash, Uruk e Ur datam da época dos sumérios.

Babilônios

Esses povos criaram os primeiros códigos de lei para controlar a sociedade, como as Leis de Talião (leia: Código de Hamurabi), formuladas pelo Imperador Hamurabi, que previam Imagecastigos severos aos criminosos de acordo com a gravidade de seus delitos. Veja os exemplos:

Art. 200 Se um homem arrancar o dente de um outro homem livre igual a ele, arrancarão o seu dente.

Art. 201 Se ele arrancou um dente de um homem vulgar pagará um terço de uma mina de prata.

Art. 202 Se um homem agrediu a face de um outro homem que lhe é superior, será golpeado sessenta vezes diante da assembléia com um chicote de couro de boi.

Art. 229 Se um pedreiro edificou uma casa para um homem, mas não a fortificou e a casa cair e matar o seu dono, esse pedreiro será morto.

Art. 230 Se causou a morte do filho do dono da casa, matarão o filho desse pedreiro.

Art. 231 Se causou morte ao escravo do dono da casa, ele dará ao dono da casa um escravo equivalente.

No século VII a.C., o Imperador Nabucodonosor II, que formava o Segundo Império Babilônico, ordenou que fossem construídos dois templos que serviriam de grande reverência arquitetônica, são estes: os Jardins Suspensos da Babilônia e a Torre de Babel.

Assírios

Povo que se estabeleceu na alta Mesopotâmia (Norte), região chamada de Assur, por volta do ano 2500 a.C. Por muitos séculos os habitantes de Assur foram atacados por diversos povos, sendo obrigados a fugir para o alto das montanhas, Portanto desde cedo organizaram um forte Estado Militarizado. Inicialmente foram vassalos dos sumérios, cujo poderio é liquidado pelas invasões elamitas e amoritas. Os assírios conquistam sua independência, lutam com os povos vizinhos e chegam a construir um império com Sargão I. Sua sociedade era dominada por camadas de sacerdotes e guerreiros. As populações vencidas durante a expansão territorial terminaram escravizadas.

Ficaram conhecidos por sua crueldade principalmente com os vencidos nas guerras (Criaram um exército poderoso, violento e extremamente ágil), não apenas escravizavam como também torturavam (esfolamentos, castrações, amputações em geral), assegurando pelo terror seu poder sobre os derrotados. A expansão do poderio assírio se deu a partir do séc. XX a.C. e só foi interrompida quando Hamurábi da Babilônia subiu ao poder no séc. XVIII a.C.

A partir do século IX a.C. quando a Babilônia já estava enfraquecida, os assírios estabeleceram um poderoso impérios chegando a controlar um vasto território do Egito, passando pela Palestina e Mesopotâmia. Seu apogeu foi atingido no reinado de Assurbanipal (668 a 625 a.C.), sua capital foi Assur e depois Nínive. Em seu reinado foi construída a famosa “biblioteca” de Ninive, onde foram guardadas milhares de tábuas com inscrições cuneiformes.

Após a morte de Assurbanipal, o império Assírio entrou em decadência, com a sublevação das populações conquistadas e a invasão dos caldeus e medos. Em 612 a.C., Ninive foi destruída e os caldeus deram origem ao segundo império Babilônico.  Além destes, os acádios, caldeus e amoritas, dentre outros, também constituíram a sociedade Imagemesopotâmica. Eles eram povos politeístas (acreditavam em vários deuses) e tinham uma ligação religiosa com a natureza.

Os povos da Mesopotâmia também desenvolveram a economia através da agricultura e dos pequenos comércios de caravanas, com base em uma política centralizada por um rei ou imperador.

Por volta do século VI A.C., o Império Persa se fortaleceu sob comando do Imperador Ciro II, que não poupou esforços para tomar o poder dos babilônios, que tinham pleno domínio da Mesopotâmia. A conquista dos persas acabou com as primeiras formas de dinâmica culturais que marcaram a sociedade de origem mesopotâmica, uma das pioneiras da Antiguidade.

A civilização mesopotâmica teve como base os Sumérios, que deixaram como herança a escrita cuneiforme, a religião, o sistema jurídico e as práticas comerciais. Com relação à religião, foram povos politeístas, os principais deuses: Marduk, Shamash, Enlil, Ishtar. Relatos do Velho Testamento são de origem suméria (gêneses e dilúvio).

Bibliografia

http://notadez.no.comunidades.net/index.php?pagina=1158418046

http://historiatualidadesaj.blogspot.com.br/2013/02/resumo-mesopotamia-1-ano-medio.html

Bolsistas responsáveis: Lorrayne Nascimento e Mônica Ingredy.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s